No dia 02 de novembro de 2017 (5ª feira), recebemos em nossa igreja o Apóstolo Marcelo Casagrande que ministrou o tema "Vaso de Honra" - Jeremias 18:1-6. Foi citado por ele os 7 passos necessários  para fazer um vaso perfeito, assim como nosso Deus, o oleiro de nossas vidas, também nos faz passar por essas etapas, quando nos permitimos ser vaso em suas mãos.

 

1º passo é a escolha: Existem vários tipos de argilas, porém, apenas 6 ou 7 são úteis para a fabricação do vaso. Assim como o oleiro escolhe a argila certa para moldar o vaso, Deus também nos escolhe.

2º passo é o descanso: Assim como o hipopótamo (Jó 40:15-23), que em meio a tempestade se submerge no rio e ali fica protegido para não ser afetado pelo temporal, precisamos descansar em Deus.

 

 passo é o quebrantamento: Onde o barro é amassado. Deus precisa nos amassar para que possamos estar moldáveis. 

 

4º passo é tirar a resistência: O oleiro vai batendo no vaso para tirar as imperfeições, as bolhas e tudo aquilo que o fará quebrar no final do processo. Deus faz o mesmo conosco, para tirar nossas imperfeições e resistência que nos levaria ao propósito errado.

 

5º passo é quando o oleiro acrescenta água, palha na massa e óleo: Para moldar aquele vaso tão sonhado, precisamos ser acrescidos de água (Espirito Santo), palha (Palavra do Senhor) e óleo (Unção) que vem direto do Senhor pra nós.

 

6º passo é ser moldado pelo Oleiro: Já sem resistência, Deus quer nos moldar.

 

7º passo é quando o vaso está pronto e vai para o fogo: Para ser um vaso resistente, precisamos ser fundidos pelo fogo do Espírito Santo.

 

E se passarmos por todo esse processo e não estivermos prontos, Ele nos quebra novamente e com sua infinita Graça nos refaz até nos tornarmos vasos de honra.

   No dia 05 de novembro (Domingo), foi ministrada a Palavra baseada em João 5: 1-14, com destaque para os versículos 8 e 9, com tema "Levanta, toma o teu leito e anda".

Esse texto se inicia com "...Depois disso..", ou seja, um novo tempo, uma palavra profética foi dada para a igreja, de que se iniciava um novo tempo, coisas novas haverão de acontecer.

Em seguida observou-se que Jesus foi na festa do judeus, porém Ele ia direto nos oprimidos, aleijados, sofrentes e entrava pela porta estreita, que era conhecida como Porta das Ovelhas, onde lá se encontravam essas pessoas, que eram exiladas da sociedade. Isso nos mostra o amor de Jesus pelos necessitados e que como igreja devemos seguir seus passos e estar preparados para ir nessas pessoas que tanto necessitam e/ou recebê-las com amor. devemos agir como Ele, não olhando para o pecado, mas para o pecador. Jesus não olhou para os pecados daquele que estava sofrendo há 38 anos do seu mal, Ele realizou o milagre de cura para que ele mudasse sua vida e por isso disse "...levanta-te, tomo o teu leito e anda..." e depois conclui quando o encontra no templo, na igreja "...não peques mais, para que não te suceda coisa pior". 

Outro ponto importante que foi ministrado sobre as águas do tanque de Betesa. Este era conhecido porque nele ficavam os enfermos esperando o movimento da água, pois um anjo descia e agitava a água e aquele que caísse primeiro nela era curado de qualquer enfermidade que fosse (vs 2-4). Mas porque as águas se moviam poucas vezes e apenas o primeiro que mergulhasse recebia a cura? Para que todos soubessem que milagres acontecem e que não idolatrassem o local do milagre, mas Aquele que realiza o milagre. Jesus veio para mostrar a todos que Ele é Deus e quem crer Nele recebe seu milagre.

© A Palavra Da Salvação. De Apostolo Carlos Alberto Branco